25.1.10

Nas nuvens


É o nome do filme interpretado por George Clooney, que eu ontem fui ver, numa sala tão cheia, que eu sozinha tive dificuldades em arranjar um lugar, mesmo a faltarem ainda cinco minutos para as apresentações. Fiquei precisamente no meio da sala. Na fila do meio, no lugar central. Foi claustrofóbico. Mais ainda depois de ter passado os últimos largos dias em terreno campestre silencioso. Mais ainda quando o filme começa a mexer cá dentro e nós queremos saltar dali ou estar à vontade o suficiente para poder apreciar. Mas não. Contorci-me toda na minha cadeira, meti para dentro, estive à beira da ansiedade e de tanto me controlar acabei com uma enxaqueca valente. Mas valeu o filme. Parecia que me tinham colocado um colete de forças e sujeitado a uma qualquer sessão de estímulos neurológicos num hospital psiquiátrico para provarem que eu era humana e ia reagir. Reagi sim. Eu, e talvez mais de metade da sala, dado o silêncio que a invadiu de repente. Agora é que começa a parte pior. Fora dos ecrãs, in the real life, com os dois pés na terra, a ter de lidar de frente com a situação que eu achava já estar resolvida.

8 comentários:

puPupiTu disse...

Lugar central, na fila do meio, vazio... parece o lugar que ninguém quis, o lugar que ninguém quer...
Ainda não vi o filme, e nem sei do que trata a história, mas depois de ler o que escreveste fiquei com uma vontade de ir ver tão grande como o receio da minha reacção ao mesmo.

T disse...

O filme toca em dois assuntos que neste momento me tocam bastante. Um dos temas é o desemprego (e o que se sente na altura e a partir daí).
O outro... vai ver!

puPupiTu disse...

Ora aí está um tema que me diz muito.
Irei ver, sim!

Rita disse...

O tempo e o lugar certo vão trazer as respostas.

Tulipa disse...

A melhor forma de ultrapassar os nossos medos é encarando-os de frente! kisses

Este Blogue precisa de um nome disse...

Olá

É a primeira vez que leio o teu blogue. Identifiquei-me imenso com este post. Não vi o filme e não foi por ele, mas sim pela ansiedade? Sofres de ansiedade? Costumas ter ataques de pânico?

Este Blogue precisa de um nome disse...

Costumo sim. Há cinco anos. Vou enviar-te email.

Beijo e obrigada ;)

Este Blogue precisa de um nome disse...

Não encontro o email ...