2.3.07

Monopólio















Mesmo que fugaz,

condenado à partida,
mesmo antes da primeira jogada.
Há sempre a possibilidade
de avançar.
Duas voltas,
até à casa de partida
e depois recomeçar
uma e outra vez.
Com sorte faço um par
com os dados
da própria vida
que atiro.
Avanço duas voltas,
sem pensar,
passo pela casa de partida
e nada.
Com sorte
vou para a saída,
ou então fico presa
enquanto atiram os dados
da minha vida.
E eu vejo-a passar.

Setembro 2003

2 comentários:

Jorge Bicho disse...

Tânia,

a tua escrita é linda e clara. Adoro vir aqui a tua casa. A minha porta é uma avenida para passeares. Vem sempre.
JB

Vlad disse...

Gostei desta dissertação...
Há que agarrar primeiro os dados, depois a vida ;)